Democratizando a socioexpografia

Dissertação de mestrado em Ciência da Informação

Universidade Federal Fluminense - 2013-2015

Republicada em formato socioexpográfico no link a seguir:

https://extralibris.org/fabianocaruso/dissertacao/

Disponível em: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7540

Busca analisar as ações de pesquisadores acadêmicos na web aberta. Para tanto faz uma  revisão de literatura de problemas norteadores da pesquisa como o conceito de abertura  (openness), a consumerização da tecnologia da informação, e as correntes de pensamento da  ciência aberta. Faz uma introdução de questões relacionadas a produção do conhecimento na  academia, como a dos pesquisadores e o ethos da ciência, as tradições de pesquisa acadêmicas  e o ciclo de vida da pesquisa acadêmica. Para a criação da metodologia para análise das ações dos pesquisadores, a gestão do conhecimento é vista como uma disciplina que provê a definição de critérios para a utilização de tecnologias emergentes para a colaboração e a  pirâmide do engajamento para identificar as ações possíveis na web. A partir da  fundamentação teórica, desenvolve uma metodologia para avaliação das ações de  engajamento acadêmico através da análise de sites de pesquisadores e da colaboração através  do envio de um questionário. Em suas conclusões identificou a diversidade de ações dos  acadêmicos em relação às formas de engajamento e adoção das tecnologias digitais, em  consonância com a emergência de iniciativas relacionadas a própria ciência aberta. Além de sugerir direções para novas pesquisas em ciência da informação relacionadas ao tema.

Você realizou a assinatura com sucesso ao ambiente Fabiano Caruso.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Excelente! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Verifique se há um link mágico em seu e-mail para fazer login.