Padrão

O Impacto das Tecnologias Emergentes na Formação Profissional

Participei no no último IX EREBD SE/CO da mesa redonda sobre o tema virtualidade com o Marcos Mucheroni e Luli Radfahrer. Como o tema do evento era sobre Liberdade – Subverção, fiz uma relação entre o impacto dos conceitos e tecnologias emergentes na formação profissional. Abaixo o roteiro que preparei antes da apresentação.

Primeira parte – Perfíl da Formação do Bibliotecário

Preservar o Cunho Liberal e Humanista da Profissão

– a expansão das bibliotecas públicas – a questão democrática e de direito a expressão de idéias e desenvolvimento pessoal e profissional.

– as práticas tradicionais da biblioteconomia estão orientadas para o incentivo a autonomia intelectual das pessoas?

– miopia de marketing – fins e meios.

– desenvolvimento organizacional x desenvolvimento humano.

– a mudança de “paradigma” bibliotecas – unidades de informação (gestão da informação, arquitetura de informação) é uma mudança real?

– formação baseada na relação instituição x sociedade.

– evidencias de práticas do bibliotecário enquanto profissional liberal.

– existe um comprometimento real das bibliotecas e unidades de informação em desenvolver serviços alinhados aos problemas reais das comunidades, ou suas deficiências estão vinculadas a interesses e poderes maiores?

Segunda Parte – As Redes Sociais e Liberdade de expressão através da Web

Unidades de Informação x Pessoas

– pessoas encontram-se com pessoas com interesses em comum e formam comunidades e redes sociais.

– bottom up x top down.

– a cultura baseada na colaboração, relacionamentos e compartilhamento de informações evidencio-se na web através da computação social.

– o maior desafio do ensino de biblioteconomia está em garantir aos estudantes a percepção de que a atuação profissional não está restrita ou é limitada ao trabalho em ambientes, ou centrado apenas em gestão de acervos e unidades de informação.

– as leis não são sobre o que é certo ou errado, justo e correto, mas sobre o que é permitido ou não permitido na sociedade.

– as maiores oportunidades de atuação profissional são de certa forma subversivas.